segunda-feira, 23 de julho de 2007

Desenho 25 e 26 ("Lembranças e Janelas"e "Três Corações") devaneio 8



Lembranças e Janelas . técnica mista





Três corações, aguada de acrilica e guache sobe papel.
Esses são a continuação do meu trabalho... ainda com os mesmos principios dos trabalhos anteriores.... falam da auséncia, a busca... os vestigios a sobra... os proximos posts serão os ultimos trabalhos dessa série... depois deles vou mudar o formato e o suporte... tentar configurações diferentes.
em seguida devaneio 8
Aos Poucos tudo vira nada.

Aos poucos tudo vira nada
O tempo leva a todos pela mesma estrada
Até mesmo um grande amor é esquecido
Restando apenas sobras do que foi vivido.

Aos poucos tudo vira nada
Lindas jornadas viram pegadas
Dos mais belos sonhos sobram vestígios
Se esquecem de si próprios em pequenos esconderijos

Aos poucos o amor vira dor
E toda dor aos poucos se apaga
Alguém que nunca de fato existiu
Caminhando pela vazia madrugada

Aos Poucos tudo vira nada
Pois ficaremos vazios no fim da jornada
Pois esperamos sempre que tudo passe
O tempo é um rio e nós uma jangada.

E Aos poucos tudo se acaba
Em um lampejo, um desejo
Seu beijo que nunca sentirei
Nos sonhos que nunca viverei

Aos poucos tudo vira nada
Você será apenas uma lembrança
Nem boa nem ruim, uma lembrança apenas...
Do que fiz de mim.

2 comentários:

Gabriela Muzzi disse...

Nossa...
Não sou nenhuma crítica de arte, mas sei apreciar quando algo é de mto bom gosto...
E seus novos trab são...maravilhosos...a forma como vc usou as cores, deixaram a composição tão delicada, misteriosa...poética!
Ao contrário do que mtos pensam é dificil transmitir sentimentos atraves da arte, de uma forma que o espectador tbm compartilhe do sentimento...E vc conseguiu.
Parabéns!!!
Seu trab é de arrepiar!!!!!!

Douglas Soares disse...

Kra vc agora me impressionou! Sempre fui fam de Sandmam de neil gaimam e das ilus das capas... e vc captou todo aquele clima de sonho e mistéwrio que eu sempre vi na série inteira. Bem o que eu quis diser mais simplismente... é que vc arazou.Continue assim botando para quebrar! um grande abraço, de um grande fam ( e amigo).